Use este identificador para citar ou criar um link para este item: http://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/1191
Título: Escolarização indígena e identidade Puruborá: contribuições da escola para um povo ressurgido/resistente na Amazônia
Autores: Oliveira, Anatália Daiane de
Zibetti, Marli Lúcia Tonatto
Palavras-chave: Povo Puruborá
Escolarização indígena
Identidade
Políticas públicas
Data de publicação: 2015
Citação: OLIVEIRA, Anatália Daiane de. Escolarização indígena e identidade Puruborá: contribuições da escola para um povo ressurgido/resistente na Amazônia. 2015. 233 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Fundação Universidade Federal de Rondônia, Porto Velho, 2015.
Resumo: A presente dissertação apresenta resultados de pesquisa desenvolvida na Aldeia Indígena Aperoi, localizada no município de Seringueiras – RO na qual vivem membros da etnia Puruborá. Trata-se de um grupo resistente e “ressurgido” na década de 2000 no estado de Rondônia, que teve sua identidade negada pela Fundação Nacional do Índio (FUNAI) na década de 1990, sob a alegação de não serem índios, sendo posteriormente expulsos de sua terra tradicional. Este grupo étnico foi reconhecido pela FUNAI em 2003 e encontra-se na luta pela demarcação do seu território e pela revitalização da sua cultura e da sua identidade por meio da reunião de seus membros em torno de uma área adquirida pela matriarca do grupo. A pesquisa teve como objetivo investigar o processo de escolarização na Escola Indígena Estadual de Ensino Fundamental Ywará Puruborá buscando compreender como este se relaciona com a (re)construção da identidade desse povo. Teoricamente o trabalho está orientado pelos estudos desenvolvidos no campo da educação e da Psicologia, principalmente no que se refere ao conceito de identidade. Trata-se de um estudo do tipo etnográfico que utilizou como instrumentos análise documental, observação participante, fotografias e entrevistas. A análise foi realizada por meio da triangulação dos dados obtidos e produzidos a partir dos diferentes instrumentos, articulando-os com o referencial teórico e os objetivos da investigação. Os resultados indicam que a conquista da escola é fruto da resistência, organização e trabalho do povo que vê nesta instituição várias possibilidades: lugar de revitalização e divulgação da cultura, único lugar de transmissão da Língua Puruborá, espaço de aquisição dos conhecimentos escolares, principalmente o domínio da leitura e da escrita na Língua Portuguesa, que instrumentaliza e contribui com o registro da história do grupo e com a luta pelos direitos indígenas. Desta forma a escola tem contribuído de forma bastante significativa para revitalização, (re)construção e o fortalecimento da identidade do povo Puruborá. A escola nesta comunidade também tem sido um espaço de ampliação das oportunidades de trabalho para vários membros do grupo, além de espaço de reunião e convivência dos membros da comunidade. A pesquisa evidenciou ainda que, embora se tenha avançado no campo da garantia legal de acesso à escolarização nas comunidades indígenas, as conquistas ainda dependem da atuação contínua dos povos organizados para se tornarem realidade, demandando um grande esforço e, por vezes, a própria ação dos indígenas na solução dos problemas, como ocorreu com a construção da escola Ywará Puruborá. Esta investigação vem adicionar-se às poucas pesquisas e iniciativas realizadas acerca do povo Puruborá, o que a torna relevante para o grupo investigado, mas também por ampliar os conhecimentos sobre a escolarização das crianças dos povos indígenas, fornecendo subsídios à elaboração de políticas públicas no campo da educação com vistas a atender as reivindicações e necessidades desses povos.
Descrição: Dissertação apresentada ao Programa de Pós- Graduação: Mestrado Acadêmico em Psicologia - MAPSI, da Universidade Federal de Rondônia (UNIR) como requisito final para a obtenção do título de Mestre em Psicologia. Orientadora: Profa. Dra. Marli Lúcia Tonatto Zibetti.
URI: http://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/1191
Aparece nas coleções:MAPSI/PVH - Mestrado em Psicologia (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Anatália D. Oliveira_Escolarização indígena e identidade Puruborá.pdf3,41 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.