Use este identificador para citar ou criar um link para este item: http://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/143
Título: A força competitiva dos supermecardos como compradores de produtos lacteos da indústria laticinista de Rondônia
Autores: Junior Scheidt, Ademar Silva
Palavras-chave: Força Competitiva
Supermercado
Indústria
Comprador
Produtos Lácteos
Data de publicação: 2008
Citação: SCHEIDT, Ademar Silva Junior. A Força Competitiva dos Supermercados como Compradores de Produtos Lácteos da Indústria de Rondônia. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação Mestrado em Administração – Universidade Federal de Rondônia, Porto Velho, 2008.
Resumo: Esta dissertação tem como objetivo avaliar a força competitiva dos supermercados como compradores de produtos lácteos da indústria de Rondônia, no Município de Porto Velho, visando identificar os vários produtos lácteos comercializados nos supermercados locais. Com base no referencial teórico de Michael Porter sobre os fatores que influenciam a vantagem competitiva, classificando-os em cinco forças: entrantes potenciais, fornecedores, produtos substitutos, os concorrentes e os compradores. Dentro dessa visão, foi realizada a análise dos compradores representados pelos supermercados; a competitividade foi analisada tendo como base os conceitos de arranjos produtivos locais de Coutinho e Ferraz e do modelo de análise das forças competitivas de Michael Porter. Tendo como principal problema a concentração de compradores da indústria láctea rondoniense em atacadistas de outros estados, buscou-se analisar qual o papel dos supermercados locais na relação que existe entre indústrias e compradores. Para a realização deste estudo, utilizou-se como método de pesquisa a abordagem qualitativa com enfoque descritivo, em que se realizou a descrição deste processo com base em pesquisa primária, junto aos supermercados de Porto Velho. Os resultados revelaram que os supermercados são compradores em potencial de produtos lácteos produzidos em Rondônia, em especial de produtos com menor valor agregado como o leite UHT e os queijos: mussarela e prato. As indústrias de produtos lácteos rondonienses estão localizadas nos Municípios de Jaru, Ouro Preto do Oeste, Ji-Paraná e Rolim de Moura. Já os supermercados analisados encontram-se em Porto Velho e são principalmente empresas de pequeno e médio porte e com mais de cinco anos de atividade. As relações existentes entre supermercados e indústria de produtos lácteos apontam para a vantagem competitiva dos supermercados frente às indústrias. No entanto, as indústrias rondonienses têm conseguido expressiva participação no mercado de lácteos com produtos diversificados e, no caso do leite UHT 100% do comercializado em Porto Velho, este é produzido no estado de Rondônia, revelando a importância do mercado local para as indústrias minimizarem os efeitos da concentração de compradores, bem como a importância das indústrias locais para o abastecimento dos supermercados de Porto Velho com produtos lácteos.
Descrição: Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação: Mestrado em Administração (PPGMAD) da Fundação Universidade Federal de Rondônia como requisito parcial para obtenção do título de Mestre em Administração. Área de Concentração: Gestão do Agronegócio e Sustentabilidade. Orientadora: Profa. Dra. Mariluce Paes de Souza
URI: http://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/143
Aparece nas coleções:PPGA/PVH - Mestrado em Administração (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Scheidt, Ademar Silva Junior.pdf1,13 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.