Use este identificador para citar ou criar um link para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2220
Título: Cultura e discurso no contexto do encontro com o outro-estrangeiro
Autores: Tarasova, Liubov
Burgeile, Odete
Palavras-chave: Cultura
Discurso
Identidade
Alteridade
Estrangeiro
Data de publicação: 2016
Citação: TARASOVA, Liubov. Cultura e discurso no contexto do encontro com o outro-estrangeiro. 2016. 117 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Letras, Fundação universidade Federal de Rondônia, Porto Velho, 2016.
Resumo: A partir de uma pesquisa de caráter descritivo com técnicos civis russos e técnicos militares brasileiros do projeto entre o governo brasileiro e a empresa estatal russa Rosoboronexport, este trabalho procura descrever o processo de convivência e trabalho nessa equipe internacional, que envolveu a resistência natural ao diferente, ao “outro”. Esta pesquisa, bibliográfica e de campo, com abordagem qualitativa, utilizou como instrumentos de coleta de dados a observação em campo e entrevistas gravadas, aplicadas com questionários fixos. Partindo das imagens captadas nas entrevistas e analisadas, que foram formadas acerca do outro-estrangeiro, discute-se sobre as condições e contextos em que foram produzidos os discursos dos participantes da pesquisa. Também, explicita-se a noção de cultura e de alteridade, no entrelaçamento com a ideologia que sempre se materializa na linguagem. Os objetivos específicos foram verificar qual a imagem que se formou sobre o estrangeiro russo e brasileiro; verificar quais discursos sobre o estrangeiro foram formados; deduzir quais as diferenças culturais que influenciaram na formação do relacionamento. O núcleo teórico que deu base para realizar tais propostas foi formado pelos estudos culturais e estudos discursivos, assim como o instrumental de análise. Para sustentar os argumentos, destaca-se as perspectivas de cultura (BAUMAN [1925] 2012; ELIOTT, 1988; GEERTZ, [1926], 2008; GUARESCHI, 2013); da identidade e diferença (SILVA, HALL, WOODWARD, 2014; TASSO, 2005); a alteridade na cultura, o “outro” na sociedade (BRAWERMAN-ALBINI, 2013; CHARAUDEAU, 2015; CORACINI, 2013; SKLIAR & DUSCHATZKY, 2000); de análise do discurso e ideologia (ALTHUSSER,1985; FERNANDES, 2005; GABLER, 2011; ORLANDI 2006, 2010, 2012a, 2013; PÊCHEUX, 2009, 1975, 1997b, 1988, [1969] 1997). A partir da análise das imagens e dos discursos que acompanharam a formação dessas imagens, confirmou-se que os dizeres dos participantes desta pesquisa estão carregados de conceitos pré-existentes, pré-estabelecidos na memória discursiva, influenciada pelos discursos circulantes na sociedade que formam, ideologicamente, o imaginário do sujeito. Além disso, os enunciados evidenciaram atitudes contraditórias de rejeição e admiração, avaliação positiva e negativa, identificação com o outro ou receio de assemelhar-se. Desse modo, com a comprovação da resistência ao contato com o outro, da falta de interesse para conhecer a cultura ou a língua do outro, português ou russo, confirmou-se a hipótese de vinculação dessa falta de interesse à dificuldade do encontro proporcionado no trabalho em conjunto no projeto, com o outroestrangeiro.
Descrição: Dissertação apresentada ao Mestrado Acadêmico em Letras da Fundação Universidade Federal de Rondônia – UNIR, como parte dos requisitos para obtenção do Título de Mestre em Letras. Orientadora: Odete Burgeile
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2220
Aparece nas coleções:Mestrado em Letras (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO LIUBOV TARASOVA.pdf1,13 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.