Use este identificador para citar ou criar um link para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2233
Título: Caracterização de amostras de cocaína apreendida pela polícia civil do estado de Rondônia
Autores: Neves, Gustavo de Oliveira
Yamashita, Miyuki
Palavras-chave: Cocaína
Adulterantes
Diluentes
Caracterização
Data de publicação: 2013
Citação: NEVES, Gustavo de Oliveira. Caracterização de amostras de cocaína apreendida pela polícia civil do estado de Rondônia. 2013. 80 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional em Meio Ambiente, Fundação Universidade Federal de Rondônia, Porto Velho, 2013.
Resumo: O tráfico de droga, em específico o de cocaína, vem aumentando de forma significativa e assolando a sociedade com sérios problemas de segurança e de saúde pública. Para aumentar o lucro da venda de cocaína, os traficantes adicionam substancias com propriedades farmacológicas (adulterantes), bem como outras substâncias para aumentar o volume (diluentes). Assim, a identificação dos adulterantes e diluentes contidos nas cocaínas apreendidas pode ser um ponto de partida de ação dos policiais. Nesse contexto, o presente trabalho contribui em viabilizar a implementação e otimização de métodos analíticos no Instituto Laboratorial Criminal (IML) visando a caracterização das amostras de cocaína apreendidas na região metropolitana de Porto Velho -RO no período de 2011 a 2012. Os diluentes majoritários foram determinados empregando métodos de analises químicas quantitativa, ou seja, por reações químicas. Enquanto, para as analises de teores de cocaína e identificação de adulterantes foram realizados por Cromatografia Gasosa acoplada ao Espectrômetros de massa (CG-EM). Dentre as 120 amostras analisadas continham 97,5% de sódio, 53,3% de bicarbonato/carbono, 21,6% de sulfato; 10,0% de magnésio e 11,7% de borato. Em relação aos adulterantes, das 116 amostras analisadas, 13,8% continham aminopirina e 0,86% lidocaína. Ademais, essas drogas continham teores relativamente elevados de cocaínas com predominância entre 41 e 80% de pureza. Esse perfil das Drogas comercializadas na região metropolitanas de Porto Velho difere das demais regiões em termos da presença de aminopirina, informação importantes na atuação da policia.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada junto ao Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente, para obtenção do Título de Mestre em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente. Orientadora: Prof.ª Drª. Miyuki Yamashita
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2233
Aparece nas coleções:PGDRA/PVH - Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO GUSTAVO DE OLIVEIRA NEVES.pdf2,15 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.