Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/2583
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorAraújo Filho, Isaac Costa-
dc.date.accessioned2019-05-30T13:47:55Z-
dc.date.available2019-05-30T13:47:55Z-
dc.date.issued2018-
dc.identifier.citationARAÚJO FILHO, Isaac Costa. Análise da sustentabilidade da cidade de Porto Velho por meio de uma cesta de indicadores. Universidade Federal de Rondônia, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/2583-
dc.descriptionDissertação de Mestrado apresentada junto ao Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente, Área de Concentração em Desenvolvimento Sustentável e Diagnóstico Ambiental para obtenção de título de Mestre em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente. Orientador: Dr. Artur de Souza Moretpt_BR
dc.description.abstractA sustentabilidade é um tema que está na agenda das cidades quando se discute o desenvolvimento municipal. Esta pesquisa adota a metodologia desenvolvida por Vasconcelos e Souza (2010) que constrói o Índice de Desenvolvimento Sustentável Municipal Participativo (IDSMP) e nesta pesquisa se calcula o IDSMP para a cidade de Porto Velho, estado de Rondônia. Trata-se de um instrumento já utilizado em vários locais, citando-se como exemplos os municípios de Cabaceiras e Guarabira, no estado da Paraíba. Tal índice é importante para que gestores públicos e privados possam tomar decisões sobre os rumos da sustentabilidade local. Trata-se de um estudo qualitativo e explicativo. Na fase de coleta de dados, foram extraídos os resultados de 38 indicadores de sustentabilidade, sendo 7 sobre a dimensão cultural, 12 acerca da dimensão social, 05 sobre a dimensão demográfica, 04 tratam da dimensão política institucional, 04 tratam da dimensão ambiental e 06 da dimensão econômica. Como resultado, pode-se apresentar que o munícipio obteve o resultado de 1 sobre a dimensão cultural, 0,6860 para a dimensão social, 0,5159 para a dimensão demográfica, 0,7392 para a dimensão político institucional, 0,4237 para a dimensão ambiental e 0,7713 para a dimensão econômica, o que acabou gerando um IDSMP de 0,6893 para a municipalidade e, segundo o método, a localidade está em um patamar aceitável de sustentabilidade. Vale salientar que o parâmetro de interpretação do resultado deste índice está compreendido entre os números 0 e 1, sendo que o menor nível de sustentabilidade encontra-se no resultado 0 e o maior está em 1.pt_BR
dc.language.isootherpt_BR
dc.subjectDesenvolvimento Sustentávelpt_BR
dc.subjectIndicadores de Sustentabilidadept_BR
dc.subjectIDSMPpt_BR
dc.titleAnálise da sustentabilidade da cidade de Porto Velho por meio de uma cesta de indicadorespt_BR
dc.typeOtherpt_BR
Appears in Collections:PGDRA/PVH - Mestrado Acadêmico em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Isaac_Araujo_Filho_Dissertacao_2016_2018.pdf941,05 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.