Use este identificador para citar ou criar um link para este item: http://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/787
Título: Análise da qualidade da água e o processo de uso e ocupação das terras na bacia hidrográfica do rio Pirarara no município de Cacoal - Rondônia
Autores: Barbosa, Luzinete Scaunichi
Palavras-chave: Qualidade da água
Fontes de Contaminação
Uso e ocupação da terra
Rio Pirarara
Data de publicação: 2012
Citação: BARBOSA, Luzinete Scaunichi. Análise da qualidade da água e o processo de uso e ocupação das terras na bacia hidrográfica do rio Pirarara no município de Cacoal - Rondônia. Dissertação (Mestrado em Geografia). Programa de Pós- Graduação- Mestrado em Geografia da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR) 151p. Porto Velho, 2012.
Resumo: Os rios interagem com os ambientes do seu entorno e a qualidade de suas águas resulta dos usos que se fazem dos solos que eles drenam, porém em decorrência do processo de ocupação ao longo das últimas décadas os recursos hídricos vêm sendo degradados. Neste sentido, a pesquisa centrou-se no conhecimento da qualidade da água e nas formas de uso e ocupação da terra na bacia do rio Pirarara, na cidade de Cacoal, com o objetivo de avaliar a qualidade da água do rio Pirarara e identificar as principais fontes de poluição hídrica. A metodologia de trabalho consistiu na realização de coleta de amostras de água, entrevistas em campo, e para constatar esta influência, utilizou-se um Sistema de Informação Geográfica e técnicas de sensoriamento remoto para a integração das informações a cerca do uso das terras e qualidade da água. Foram coletadas em campo amostras de água, ao longo do rio, em seis pontos ao longo do médio e baixo curso do rio Pirarara nos anos de 2010 e 2011, considerando o período chuvoso e seco, sendo realizadas análises físico-químicas e biológicas nas amostras de água coletadas. Foram analisados quatorze parâmetros de qualidade de água que visavam determinar a qualidade da água, através da utilização de Índice de Qualidade – Avaliação Integrada da Qualidade da Água (AIQA), comparando os parâmetros de qualidade de suas águas com os estabelecidos pela Resolução nº. 357/2005 do CONAMA. O Índice de Qualidade de água utilizado apontaram que a qualidade da água variou de “poluída” a “extremamente poluída”. As concentrações de cargas orgânicas, nutrientes e coliformes vêm sofrendo incrementos gradativos, decorrentes do aumento de lançamento de resíduos, promovidos pelas atividades antrópicas. O efeito destas atividades se fez mais evidente no período das chuvas em função da erosão do solo e consequente aumento da turbidez e coliformes na água, piorando sua qualidade nos trechos do médio e baixo curso do rio. De maneira geral, as áreas urbanas, agricultadas e com pastagens, reduziram a qualidade da água contribuindo com o índice de contaminação que comprometem a qualidade da água. Conclui-se que na área urbana do município de Cacoal a ocupação irregular e o lançamento de esgoto interferem negativamente na qualidade da água. Desta forma, as variáveis estiveram acima dos valores máximos permitidos pela resolução CONAMA 357 de 2005 para os rios de classe 2. Portanto, foi confirmado que, as áreas ocupadas por vegetação favorecem a qualidade da água.
Descrição: Dissertação apresentada ao Programa de Pós- Graduação: Mestrado em Geografia da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR) como requisito final para a obtenção do título de Mestre em Geografia. Orientador: Prof. Dr. Eliomar Pereira da Silva Filho.
URI: http://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/787
Aparece nas coleções:PPGG/PVH - Mestrado em Geografia (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Luzinete S. Barbosa_Análise da qualidade da água.pdf6,26 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.