Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/1936
Title: Inovação organizacional em face de uma perspectiva democrática para a gestão de escolas públicas na Amazônia
Authors: Piacentini, Alexandre Leonardo Simões
Keywords: Gestão Escolar Democrática
Gestão organizacional
Escolas públicas
Paradigma funcionalista
Issue Date: 2016
Abstract: Esta dissertação analisa como diferentes abordagens empregadas na gestão organizacional, responderiam ao desafio de amparar uma via democratizante para a gestão escolar, segundo a perspectiva de escolas públicas situadas na Amazônia. O pressuposto aqui é de que não há um modelo universal de gestão que possa ser empregado de modo irrestrito a todas as organizações. Parte-se da conjectura de que existem parâmetros gerais aplicáveis a cenários diferentes, adequados a uma gestão aprendente condizente com as especificidades de uma organização educacional alinhada a conceitos modernos de Administração. Para tanto, buscou-se elucidar o seguinte questionamento: como diferentes abordagens contemporâneas empregadas na gestão organizacional, podem contribuir para o aperfeiçoamento da democratização na gestão de escolas públicas na Amazônia? O objetivo geral delineado foi analisar teorias empregadas na gestão organizacional pelo viés da Gestão Escolar Democrática, com foco no aperfeiçoamento da gestão de organizações escolares públicas na Amazônia. Quanto aos objetivos específicos, buscou-se (1) identificar os parâmetros conceituais que definem as principais características do modelo de Gestão Escolar Democrática; (2) analisar aspectos organizacionais do modelo de Gestão Escolar Democrática, segundo a perspectiva de escolas públicas situadas na Amazônia; (3) apontar elementos para inovação organizacional em face da Gestão Escolar Democrática, focalizando a perspectiva de escolas públicas na Amazônia. A realização deste estudo teve base nas teorias Funcionalista e Contingencial. O suporte trazido ao contexto da pesquisa para alcançar os objetivos específicos, foram as perspectivas teóricas de Inovação e Inteligência Emocional, e as abordagens de gestão organizacional Arquitetura Estratégica, Gestão Estratégica e a Teoria U. Quanto à metodologia deste estudo, empregou-se abordagem quanti-qualitativa em virtude de envolver construção teórica, aferição estatística do contexto fático, e a posterior análise da configuração emergente da confrontação destes parâmetros com abordagens teóricas organizacionais. Método Estudo de Caso guiou os procedimentos empregados. Os resultados revelaram (1) um construto organizado em três dimensões essenciais correspondentes aos eixos temáticos Descentralização, Autonomia e Participação, caracterizando os principais enfoques e atitudes que lhes são representativas; (2) encontrou-se pontos críticos nas características correspondentes às dimensões Autonomia e Participação, convergentes para uma mesma causa principal, relacionada às diferentes maneiras como a realidade vivenciada é apreendida e valorizada pelos sujeitos envolvidos; (3) ao contrário da Arquitetura Estratégica e Teoria U, os resultados indicaram que, a Gestão Estratégica não ampara o modelo de Gestão Escolar Democrática devido à divergência entre pressupostos teóricos. Em face ao problema de pesquisa é possível concluir que as contribuições ocorrem no eixo das complexidades organizacionais e humanas que permeiam a gestão escolar. Esta pesquisa oferece subsídios a formuladores de políticas públicas, gestores de sistemas educacionais e de organizações escolares.
Description: Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação Mestrado em Administração da Universidade Federal de Rondônia, como um dos requisitos para obtenção do título de Mestre em Administração.
URI: http://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/1936
Appears in Collections:PPGA/PVH - Mestrado em Administração (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Mestrado em Administração - Alexandre Leonardo S. Piacentini - (1).pdf1,39 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.