Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/2996
Title: Avaliação da fertilidade do rebanho bovino de Rondônia e o uso da detecção de cio e do GnRH para aumentar a eficiência de programas de IATF
Authors: Souza, Vanessa Lemos de
Keywords: Detecção de estro
Bovinocultura
Produtividade
Issue Date: 2019
Citation: SOUZA, V. L. de. Avaliação da fertilidade do rebanho bovino de Rondônia e o uso da detecção de cio e do GnRH para aumentar a eficiência de programas de IATF. 38f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) - Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente, Porto Velho, 2019.
Abstract: A pecuária bovina está em constante expansão, mesmo assim, ainda é considerada de baixa tecnologia. O emprego de biotecnologias da reprodução aliadas ao manejo adequado e racional dos animais pode auxiliar no aumento da produtividade. Objetivo desse estudo foi avaliar a fertilidade do rebanho bovino de Rondônia e o uso da detecção de cio e do GnRH para aumentar a eficiência de programas de IATF. Dessa forma a primeira parte da dissertação consistiu na avaliação da evolução do rebanho através de indicadores zootécnicos, como taxa de natalidade, taxa de desfrute e taxa de lotação de pastagem, além da caracterização do uso de biotecnologias da reprodução, nesse caso a inseminação artificial, todos esses dados foram obtidos através de do banco de dados de instituições como ASBIA (Associação Brasileira de Inseminação Artificial, Agência de Defesa Agrossilvipastoril do Estado de Rondônia (IDARON), Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA). Na segunda parte da dissertação, teve como objetivo avaliar a fertilidade de vacas de corte que expressam cio em protocolos de IATF, o efeito da aplicação de ECP na expressão de cio e a aplicação de GnRH como indutor de ovulação no dia da inseminação artificial em animais que não expressam cio. Foram utilizadas 804 vacas da raça Nelore no período pós-parto submetidas ao protocolo de IATF: (2 mg BE + CIDR no D0 / 150 ml μg d-Cloprostenol no D7 / 300 UI eCG + 1 mg ECP – CIDR no D8 + Bastão marcador para detecção de cio / IATF 48h).1) grupo ECP (n = 269), vacas receberam 1 mg de no D9; 2) grupo ECP+GnRH (n = 269), vacas receberam ECP no D9 e os animais que não apresentaram cio receberam GnRH no D11; e, 3) grupo GnRH (n=266), vacas não receberam ECP no D9 e somente os animais que não manifestaram cio receberam GnRH no D11. Os animais foram submetidos à IATF no D11 e trinta dias após a IATF foi realizado o diagnóstico de gestação através de ultrassonografia transretal. As análises estatísticas foram realizadas através do programa estatístico SAS (1998). A prenhez por IA (P/IA) e a proporção de vacas em cio foram analisadas pelo teste do Qui-quadrado. Vacas que receberam ECP tem maior expressão de cio. Vacas que apresentam cio no momento da IATF tem mais chances de prenhez. A administração de GnRH em vacas que não manifestaram cio no momento da IATF não aumenta a taxa de prenhez por IA.
Description: Dissertação apresentada ao Programa de Pós- Graduação: Mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente (PGDRA) da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR) como requisito final para a obtenção do título de Mestre em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente. Orientador: Dr. Luiz Francisco Machado Pfeifer.
URI: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/2996
Appears in Collections:PGDRA/PVH - Mestrado Acadêmico em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vanessa_Lemos_Dissertacao_2017_2019.pdfArquivo principal554,54 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.