Please use this identifier to cite or link to this item: https://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/3270
Title: Os marcadores prosódicos na história em quadrinhos laços
Authors: Silva, Andressa Viana da
Keywords: Marcadores prosódicos
História em quadrinhos
Graphic novel laços
Issue Date: 2019
Citation: SILVA, Andressa Viana da. Os marcadores prosódicos na história em quadrinhos laços. 2019. 98 f. Dissertação (Mestrado em Letras), Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL), Fundação Universidade Federal de Rondônia (Unir), Porto Velho, 2019.
Abstract: O objetivo geral deste trabalho é descrever e analisar os marcadores prosódicos presentes na graphic novel Laços, considerando-se a relação entre escrita e prosódia nas Histórias em Quadrinhos – HQ. A temática é relevante por tratar de um assunto ainda pouco pesquisado no meio acadêmico e também é inédita pela escolha do objeto, pois não há estudos nessa área em HQ brasileiras. A partir do modelo proposto por Cagliari (2002), em A estrutura prosódica do romance A Moreninha, foi possível estabelecer um caminho para esta pesquisa. Por se tratar de uma História em Quadrinhos, foi necessário estudar as características de escrita desse hipergênero, em primeira instância. Em segunda instância, o estudo buscou destacar, por meio da teoria prosódica, os marcadores prosódicos (MP) presente na obra, realizando-se alguns levantamentos quantitativos de dados relevantes para fundamentar a análise qualitativa. Em terceira instância, foram analisadas as marcas de prosódia visual, que, são muito presentes dentro da narrativa, ao contrário dos marcadores lexicais que não foram encontrados. Além disso, foi possível observar que a linguagem não verbal está atrelada à construção de sentido da graphic novel Laços, contribuindo para a leitura, auxiliando os MP a incitar determinadas significações. Considerou-se, ainda, a importância das onomatopeias para o comportamento prosódico, diante de sua força representativa dentro da narrativa. Os resultados deste estudo demonstram que a HQ Laços é rica de marcações prosódicas que influenciam no comportamento prosódico do leitor, validando a hipótese de que os marcadores prosódicos encontrados na narrativa colaboram para que o leitor se aproxime da sensação de estar em contato com um texto de fala oral espontânea, mesmo se tratando de um texto escrito. Logo, a experiência de leitura desse tipo de narrativa pode remeter o leitor ao texto oral.
Description: Dissertação de Mestrado apresentada ao de Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL), na Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), como requisito final para obtenção do título Mestre em Letras. Orientadora: Profª. Drª Natália Cristine Prado.
URI: https://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/3270
Appears in Collections:PPGL/PVH - Mestrado em Letras (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
REVISÃO FINAL catalogada pdf .pdf4,08 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.