Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/1144
Title: Agricultura familiar e seu potencial organizacional para o desenvolvimento local sustentável
Authors: Silva, Sandro Souza da
Keywords: Agricultura familiar
Associativismo
Cooperativismo
Economia solidária
Issue Date: 6-Dec-2011
Citation: SILVA, Sandro Souza da. Agricultura familiar e seu potencial organizacional para o desenvolvimento local sustentável. 34f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Administração) - Universidade Federal de Rondônia, Cacoal, 2011.
Abstract: Este estudo que trouxe como tema “A Agricultura Familiar e Seu Potencial Organizacional para o Desenvolvimento Local Sustentável” teve por objetivo principal identificar os fatores limitantes e impulsionadores das organizações da Agricultura Familiar que desenvolvem suas atividades com base nos princípios da Economia Solidária. Trata-se de identificar e caracterizar as organizações associativas e cooperativas que tem como público alvo os agricultores familiares atuantes no município de Ministro Andreazza, bem como, extrair do público organizado opinião sobre o papel dessas organizações no processo de impulsionadoras do desenvolvimento local. Como referencial teórico realizou-se levantamento histórico com a identificação do potencial da agricultura familiar em nível municipal, estadual e nacional, bem como sobre os modelos de organizações da agricultura familiar, aspectos do associativismo e do cooperativismo. A pesquisa foi descritiva e exploratória, com abordagem qualitativa. O método utilizado foi o dedutivo com pesquisa de campo através da aplicação de questionário a 150 (cento e cinquenta) agricultores familiares, organizados entre as 12 (doze) associações rurais e as 2 (duas) cooperativas existentes no município de Ministro Andreazza. Entre os principais resultados, observa-se o envelhecimento com pouca renovação aliado baixo nível de escolaridade dos atores que desenvolvem a agricultura familiar no município, famílias com reduzida quantidades de membros que efetivamente desenvolvem atividades agropecuárias, enfraquecimento das organizações que organizam esses agricultores pelo fato do pouco retorno e apoio oferecido por essas organizações, enquanto potencial produtivo observa-se uma boa diversidade agropecuária com a criação de animais de pequeno, médio e grande porte e cultivo de culturas anuais e perenes, certa estabilização sobretudo através da posse e titularidade da propriedade. Para retomar a autoconfiança faz-se necessário investir mais nos agricultores e consequentemente em suas organizações para que possam servir de estímulos a partir dos retornos obtidos.
Description: Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Departamento Acadêmico de Administração da Fundação Universidade Federal de Rondônia, campus Professor Francisco Gonçalves Quiles, para obtenção do título de Bacharel em Administração. Orientadora: Prof.ª M.ª Simone Marçal Quintino
URI: http://www.ri.unir.br/jspui/handle/123456789/1144
Appears in Collections:DAA/CAC. Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SANDRO SOUZA DA SILVA.pdf746,07 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.