Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/2809
Title: Avaliação do OPG como ferramenta na seleção de ovelhas da raça Santa Inês resistentes a helmintose gastrintestinal e do método famacha® na redução de tratamentos anti-helmínticos
Authors: SOUZA, Allan Prestes de
Keywords: Ovinos
Parasitoses
Controle de verminoses
Pequenos ruminantes
Animais resistentes
Issue Date: 2018
Citation: SOUZA, A. P. Avaliação do OPG como ferramenta na seleção de ovelhas da raça Santa Inês resistentes a helmintose gastrintestinal e do método famacha® na redução de tratamentos anti-helmínticos. 46 fl. Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado como exigência em graduação no curso de Bacharel em Medicina Veterinária na Fundação Universidade Federal de Rondônia, Campus de Rolim de Moura, sob a orientação da Profa. Dra. Mayra Araguaia Pereira Figueiredo.
Abstract: Animais resistentes à helmintose gastrintestinal podem ser identificados dentro de um rebanho de animais cruzados ou de raça pura, existem muitos estudos que avaliam a eficiência produtiva dos animais resistentes em comparação aos demais buscando o aprimoramento do rebanho. Com isso o objetivo deste trabalho foi avaliar a contagem de ovos por grama de fezes (OPG) como parâmetro para selecionar ovelhas da raça Santa Inês com fenótipo de resistência à ação dos nematódeos gastrintestinais, e avaliar o percentual de redução de tratamentos anti-helmínticos por meio da aplicação do método FAMACHA®. Para isso foram utilizadas 50 ovelhas adultas da raça Santa Inês, que foram divididas em grupos: susceptível (SS), intermediário (RS) e resistente (RR), foram realizadas contagens de OPG a aplicações do método FAMACHA® em intervalos de 60 dias no período entre maio de 2017 a maio de 2018, também foram coletados dados pluviométricos durante esse período, e uma coprocultura para se obter informações das espécies de parasitos com maior ocorrência no rebanho. As medianas do grupo resistente foram inferiores as medianas dos grupos susceptível e intermediário (p<0,05). A mediana final, e amplitude das contagens de OPG foram: SS 900 (0-5400), RS 500 (0-1800) e RR 200 (0-900). Os meses com maior volume de chuvas foram dezembro (472 mm) e março (568 mm). A aplicação do método FAMACHA® apresentou um percentual de redução de 50% dos tratamentos anti-helmínticos. No resultado da coprocultura 73,5% das larvas encontradas eram Haemonchus contortus. O uso das contagens de OPG foi eficiente na seleção de ovelhas resistentes à ação dos nematódeos gastrintestinais.
Description: Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado como exigência em graduação no curso de Bacharel em Medicina Veterinária na Fundação Universidade Federal de Rondônia, Campus de Rolim de Moura, sob a orientação da Profa. Dra. Mayra Araguaia Pereira Figueiredo.
URI: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/2809
Appears in Collections:DAVET/RM. Trabalhos de Conclusão de Curso



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.