Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/2869
Title: Desempenho e carcaça de bovinos imunocastrados, castrados cirurgicamente e não castrados
Authors: Anjos, Mariana Moreira dos
Keywords: Dimorfismo sexual
Ganho de peso
Machos
Grau de acabamento
Espessura de gordura subcutânea
Engorda
Issue Date: 2019
Citation: ANJOS, M. M. Desempenho e carcaça de bovinos imunocastrados, castrados cirurgicamente e não castrados. 57 f. Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado a Federação Universidade Federal de Rondônia, Campus Rolim de Moura, como requisito para a obtenção do Título de Bacharel em Medicina Veterinária, sob a orientação do Prof. Dr. Raul Dirceu Pazdiora.
Abstract: O cenário da cadeia agroindustrial da carne, vem se caracterizando por uma crescente demanda por diferenciação de produtos e questões de segurança alimentar, em que o mercado consumidor tem mostrado ser cada vez mais exigente quanto as características e qualidade do alimento consumido. No Brasil, a produção de carne bovina tem expandido no decorrer dos anos. No entanto, ao analisar as características da produção de carne em relação aos fatores de dimorfismo sexual e de características de manejo de cada sistema, e associá-los as exigências do mercado atual, encontra-se uma necessidade de alternativas que propiciem o aproveitamento das boas características para a produção de carne apresentadas pelos machos castrados e incorporá-las nos machos não castrados. Diante deste fato, o surgimento do método alternativo através da imunização contra o fator de liberação de gonadotrofinas (GnRH), sendo designada castração imunológica, apresenta-se como uma possibilidade para atender as exigências do mercado consumidor, melhorando a qualidade do produto, atendendo alguns padrões de bem-estar animal e facilitando o manejo de criação. Por conseguinte, objetivou-se avaliar o desempenho e as características da carcaça de bovinos imunocastrados, em comparação a bovinos castrados e não castrados. O experimento foi realizado em propriedade particular, localizada no município de Mirante da Serra – RO. Foram utilizados 36 bovinos, distribuídos em três grupos: imunocastrados, castrados cirurgicamente e não castrados. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, com 3 tratamentos e 12 repetições. Os dados foram submetidos ao teste de normalidade, análise de variância e comparação de médias pelo teste de Tukey, a 5% de significância, utilizando o programa computacional SAS. Os dados obtidos sobre ganho de peso médio diário, ganho de peso total, peso de carcaça quente, peso de carcaça fria não apresentaram diferenças estatísticas para os animais submetidos a diferentes procedimentos (imunocastrados, castrados cirurgicamente e não castrados). No entanto, na perda por resfriamento, os animais imunocastrados obtiveram menor perda, seguidos dos castrados cirurgicamente e não castrados, com valores médios de 0,576; 0,796 e 0,997%, respectivamente. O ganho de peso e peso de carcaça é semelhante para animais imunocastrados e castrados cirurgicamente e não castrados, em sistema de pastejo recebendo a mesma suplementação, porém animais não castrados apresentam menor acabamento na carcaça no momento do abate.
Description: Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado a Federação Universidade Federal de Rondônia, Campus Rolim de Moura, como requisito para a obtenção do Título de Bacharel em Medicina Veterinária, sob a orientação do Prof. Dr. Raul Dirceu Pazdiora.
URI: http://ri.unir.br/jspui/handle/123456789/2869
Appears in Collections:DAVET/RM. Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Desempenho e carcaça de bovinos imunocastrados, castrados.pdf1,84 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.